Segundo o site da Caixa Economica Federal, temoa a seguinte definição para SINAPI:

O Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI) é indicado pelo Decreto 7983/2013, que estabelece regras e critérios para elaboração do orçamento de referência de obras e serviços de engenharia, contratados e executados com recursos dos orçamentos da União, para obtenção de referência de custo, e pela Lei 13.303/2016, que dispõe sobre o estatuto jurídico da empresa pública, da sociedade de economia mista e de suas subsidiárias. – Site da Caixa

A Caixa Econômica disponibiliza, a partir de links na sua própria página, os preços e custos do SINAPI para que todos possam consultar e uttilizar como referência na elaboração de orçamentos.

A gestão do SINAPI é compartilhada entre A Caixa Economica Federal e o IBGE.

A Caixa se responsabiliza pela base técnica de engenharia (especificação de insumos, composições de serviços e orçamentos de referência) e pelo processamento de dados.

Já o IBGE se responsabiliza pela pesquisa mensalmente de preço, tratamento dos dados e formação dos índices.

A manutenção das referências do SINAPI pela Caixa é realizada de acordo com Metodologias e Conceitos (ver links relacionados).

A utilização do SINAPI como referência de preços para serviços contratados com recursos do Orçamento Geral da União (OGU) foi determinada, em princípios, pela Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2003, perpetuando até 2013, quando foi suprimido da LDO para 2014, em função da publicação do Decreto 7983/2013.

O IBGE publica em sua própria página de Internet os índices do SINAPI

Quais tabelas estão incluídas – Tabelas SINAPI

Cada estado tem 8 tabelas Sinapi (4 desonerados + 4 não desonerados) no formato xls.

 Download dos 4 arquivos SINAPI (na opção Acesso Grátis)

  • Tabela de Composição Sintética, Download (link acima)
  • Tabela de Composição Analítica Completa, Download (link acima)
  • Tabela de Composição Analítica Simplificada, Download (link acima)
  • Tabela de Insumos, Download (link acima)

SINAPI Dezembro/2017

Estas são as planilhas oficiais do SINAPI para Pernambuco, publicadas no endereço www.caixa.gov.br/sinapi

Segue nota divulgada pela Caixa:

“A CAIXA informa que a partir da referência 10/2017 passa a divulgar o arquivo “CATALOGO_COMPOSICOES_ANALITICAS_EXCEL” com duas planilhas: uma referente às composições ativas no Banco Referencial com custos publicados nos Relatórios de Composições Analíticas (aba “Com_custo”) e outra referente às composições aferidas sem custos publicados nos referidos relatórios (aba “Sem_custo”).
As composições ativas são as referências técnicas aferidas (na terminação da descrição: “AF_mm/aaaa) e não aferidas com custos publicados mensalmente nos relatórios de composições sintético/analítico para as 27 capitais das unidades da federação, enquanto as composições aferidas sem custos publicados são as referências técnicas não disponíveis nos respectivos relatórios por possuírem pelo menos um item sem custo (composição auxiliar) ou sem preço (insumo) no SINAPI.
Esclarecimentos adicionais podem ser obtidos enviando mensagem eletrônica para gepad03@caixa.gov.br.”

Quer saber mais sobre o tema? Então acesse esses sites!

Continue navegando pelo nosso site – Clicando aqui!

 


Deixe uma resposta