Como amamentar – dicas para mamães de primeira viagem!

Como amamentar corretamente? A amamentação tem benefícios para a mãe e para o bebê e deve ser incentivada por todos, sendo a melhor opção para a alimentação do bebê desde o nascimento até competar 6 meses pelo menos, podendo ser prolongada até os 2 anos de idade ou até quando o bebê e a mãe quiserem.

Entretanto, a mulher nunca nasce conseguindo amamentar e é comum aparecerem algumas dúvidas e dificuldades durante esta fase de amamentação.

Por isso, é indispensável que o pediatra possa aclarar todas as perguntas e amparar a mulher durante toda a amamentação.

Saiba aqui como solucionar alguns problemas comuns da amamentação.

Para amamentar e forma correta, existem certos passos que a mãe deve seguir sempre que for amamentar o bebê.

Perceber que o bebê está com fome

Para a mãe perceber que o bebê está com fome deve estar atenta a alguns sinais, como:

O bebê procura abocanhar qualquer objeto que toque na região da boca. Por isso se a mãe colocar o dedo perto da boca do bebê ele deverá virar seu rosto e tentar colocar o dedo na boca sempre que estiver com fome;

  • O bebê busca o mamilo;
  • O bebê chupa os dedinhos e fica com a mão na boquinha;
  • O bebê está ansioso ou chora e seu choro é intenso e alto.

Apesar destes sinais, tem bebês que são bastante calmos e que esperam ser alimentados.

Portanto, é indispensável não deixar o bebê sem comer mais do que 3 ou4 horas, colocando-o no peito mesmo que ele não apresente estes sinais de ansiedade e fome.

A amamentação precisa ser feita neste intervalo durante o dia, mas se o bebê estiver ganhando peso adequado, não precisa acordar ele a cada 3 horas para mamar durante a noite. Neste caso, a mãe pode dar de mamar somente 1 vez durante a madrugada até o bebê completar 7 meses. Saiba qual o tamanho do estômago do bebê em cada fase da vida.

Adotar uma posição confortável

Antes de colocar o bebê no peito, a mãe precisa estar em uma posição confortável.

O ambiente deve ser calmo, de preferência sem muito ruídos, e a mãe deveria manter as costas retas e apoiá-las bem para evitar dores.

Entretanto, as posições que a mãe pode adotar para amamentar podem ser variadas:

  • Deitada de lado, com o bebê deitado também de lado, virado de frente para ela;
  • Sentada num cadeirão com as costas retas e apoiadas, segurando o bebê com os dois braços ou com o bebê por baixo de um braço ou com o bebê sentado em uma das suas pernas;
  • De pé, mantendo as costas retas.

Qualquer que seja a posição, o bebê deve estar com o corpo virado para a mãe e com a boca e o nariz  na mesma altura da mama. Conheça as melhores Posições para amamentar o bebê em cada fase.

Colocar o bebê no peito

Já estando em uma posição confortável a mãe precisa posicionar o bebê para mamar e deverá primeiro ter muito cuidado ao posicionar o bebê no peito estando atenta aos seguintes fatores:

  1. Primeiro passo: Encostar o mamilo no lábio superior do bebê ou no nariz do bebê para ele abrir bem a boca;
  2. Segundo passo: Mover o bebê para ele abocanhar a mama quando ele estiver com a boca bem aberta.

Nos primeiros dias após o parto, é importante oferecer sempre as 2 mamas ao bebê, ficando ao redor de 10 a 15 minutos em cada uma das mamas para estimular a produção de leite.

Leia mais sobre o tema de amamentação: alimentos para estimular o leite materno

Após a descida do leite, por volta do 3º dia após o nascimento deve-se deixar o bebê mamar até o peito esvaziar e só depois oferecer a outra mama.

Na mamada seguinte o bebê deve começar pela última mama. A mãe poderá prender um alfinete ou um laço na blusa do lado que o bebê terá que mamar primeiro na próxima mamada para não se esquecer.

Esse cuidado é importante porque normalmente a segunda mama não fica tão vazia como a primeira, e o fato de não esvaziar completamente pode diminuir a produção de leite nesta mama.

Como amamentar corretamente

Como amamentar corretamente

Somando a isso, a mãe precisa dar de mamar em ambas as mamas porque a composição do leite altera durante cada mamada.

No início da mamada o leite contém mais água e no final de cada mamada contém mais gordura, o que favorece o ganho de peso do bebê.

Por isso se o bebê não estiver ganhando peso suficiente, é possível que ele não esteja recebendo essa parte do leite.

Agora comece a por em prática todas as dicas que ensinamos para você!

Quer ler mais sobre o tema de amamentação? Então é só acessar o site: Como amamentar recém-nascido

Você quer ler mais sobre bebes e a educação das crianças? Então acesse: Como ensinar musica na educação infantil

 

Leia mais sobre cursos diversos online: Clicando aqui!